fbpx

 Quando Thom Yorke encontra Clap Your Hands and Say Yeah

 

O nome é estranho, não dá para negar, mas você ainda vai ouvir falar desses quatro garotos de Leeds com uma pequena obsessão por triângulos. Gwilym Sainsbury, Joe Newman, Gus Unger-Hamilton e Thom Green formam a banda que leva como nome o atalho utilizado por qualquer dono orgulhoso de um Mac para formar o símbolo delta, ou para leigos, um pequeno triângulo. A banda antes chamada Films, frequentemente era confundida por uma outra  de hard core com o nome The Films, chegando a ter o perfil errado publicado durante um festival que participaram. Certamente, não terão mais esse tipo de problema.
Apesar de terem gostos musicais muito diferentes entre si, todos possuem duas paixões em comum: Radiohead e cinema. Os títulos e as letras das músicas muitas vezes prestam homenagem aos seus filmes favoritos: a canção “Matilda” é um tributo à garotinha (jovem Natalie Portman) de “O Profissional”.

Sobre as críticas e comparações com bandas como Wild Beasts, Anthony Hegarty e Hot Chip, eles preferem se classificar como “jump-folk” e “trip-folk”, mesmo que não saibam o que esses termos significam. Gwil já prefere dizer: “Você já ouviu Clap Your Hands and Say Yeah? Então, imagine Thom Yorke com esse ritmo…”

Não imagina, ouve:

“triangles are my favourite shape”

Quer receber nosso conteúdo?
Receba a nossa newsletter

Receba todas as atualizações da SOUL ART!