Victor Octaviano apresenta aquarelas inéditas na OMA Galeria

Reconhecido internacionalmente por ter criado a “tatuagem em aquarela”, artista expõe obras que revelam seu lado mais sensível e oculto

 Você já deve ter ouvido falar nele. Se não ouviu, aproveito para lhe apresentar um dos melhores tatuadores que já conheci. Victor Octaviano, nasceu em São Bernardo do  Campo, desenha desde criança, revolucionou o mundo da tatuagem ao trazer o estilo “watercolor tattoo“, ou traduzido, tatuagem em aquarela e agora faz o caminho inverso, leva para a tela as pinturas feitas na pele.

Até sábado, 21 de março, a OMA Galeria apresenta ao público a exposição Victor Octaviano: O Pássaro Azul. A mostra revela sensibilidade, histórias e amores de um menino outrora franzino, oprimido, que passa agora a ser opressor do pássaro azul, que o assusta, mas que fica preso, até o momento de se expressar nessas imagens.

Divulgação

Divulgação

Para o artista, o pássaro azul representa a nossa essência, que muitas vezes afogamos e oprimimos para ser aceita na sociedade. A inspiração vem de um poema do Bukowski que fala justamente sobre o pássaro azul que vive dentro dele e a sua luta para mantê-lo escondido.

“Nessas aquarelas que fiz tentei me libertar o máximo que pude, nelas falo da minha infância, minhas escolhas, o medo do futuro, o vazio que sinto as vezes sobre a vida e sobre algumas coisas que vivi.”

Divulgação

Divulgação

imagem_release_371478

Divulgação

imagem_release_371124 (10)

Divulgação

11002632_1006972399331024_6617389632763128101_n

Divulgação

 

Serviço

Exposição Victor Octaviano: O Pássaro Azul

Visitação gratuita até 21 de março

De segunda a sexta, das 10h às 19h; aos sábados, das 10h às 14h
Endereço: Rua Carlos Gomes, 69 – Centro – São Bernardo do Campo

Classificação Livre

Lanlan é jornalista e sonhadora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *