Humanae: A beleza das diferenças

Inspirada pela diversidade de cores que compõe sua árvore genealógica, a artista brasileira Angélica Dass criou o Projeto Humanae.
De abril pra cá, Dass já fotografou cerca de 200 pessoas para construir um catálogo com a escala de cores Pantone a partir dos diferentes tons de pele. Ela extraiu um fragmento do rosto destas pessoas fotografadas e utilizou a cor correspondente na escala para preencher o plano de fundo da imagem e associar o tom de pele de cada neste  catálogo.

 

Por enquanto maior parte de seu projeto foi registrado em Madri, mas segundo a fotógrafa, o Humanae está apenas começando e ainda há muito trabalho pela frente.

Dass quer expandir o projeto mundialmente e, já que o Brasil foi sua maior inspiração, o país é uma de suas prioridades.

A ideia desse trabalho é que nós podemos abraçar e apreciar as diferenças, mas sempre lembrando que, como seres humanos, somos todos iguais.

Para acompanhar o que já tem sido feito no  Humanae você pode acessar o Tumblr do projeto em : http://humanae.tumblr.com/

Publicitária, branquela do cabelo duro, sardenta, observadora, Foonática, leonina que não acredita no zodíaco, corinthiana que não entende de futebol, amante da sexta arte, mas obsessiva pela primeira, roqueiraemepebânica, e apesar da pouca idade, é especialista em ser curiosa, comer chocolate, bacon e tomar cerveja. Se arrisca a escrever poesia, tocar violão e andar de skate quando ninguém está olhando.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *