fbpx

Em solidariedade ao povo Guarani-Kaiowá e à causa indígena no Brasil, que pouco se sabe e se ouve falar a não ser em casos extremos como a repercussão recente da triste carta não divulgada pela FUNAI sobre uma comunidade no Mato Grosso do Sul decretando suicídio coletivo frente a situação de confinamento em que se encontram, a coluna de hoje trás um pouco da cultura indígena através de um grupo que já virou referência no cenário do rap nacional.
Formado em Dourados (MS) o Brô MC’s é o primeiro grupo indígena de rap nacional conhecido por misturarem a língua guarani com português em suas letras. Com bases próprias que mesclam instrumentos nativos com batidas e samplers, o grupo gravou recentemente seu primeiro CD demo e já participou de diversos festivais pelo Brasil.

As primeiras composições vieram de Bruno e do seu irmão Clemerson, que formaram em parceiria com os outros dois irmãos Kelvin e Charlie o Brô MC’s através de oficinas de hip-hop da Central Única de Favelas (CUFA) em Dourados onde se conheceram. Foi através da CUFA também que o Brô teve contato com outro grupo de rap Fase Terminal surgindo assim a parceria na música “No Yankee”.

Nas letras ficam explícita a situação de violência física e moral no meio em que vivem: uma situação de permanente instabilidade que pouco a pouco leva aquilo que de pior existe na sociedade ocidental, como o alcoolismo, o uso de drogas e a prostituição entres os jovens.

Não é fácil reverter essa situação, mas dando um primeiro passo no sentido de sensibilizar e conscientizar quanto mais pessoas possíveis sobre a complexa situação que envolve desde de grandes indústrias multinacionais de biocombustível, agricultores produtores de gado, soja e cana-de-açúcar além dos famosos “coronéis” disfarçados por autoridades locais, reatualizamos o debate sobre a demarcação das terras indígenas e a debate sobre o Código Florestal.

Não podemos deixar morrer o legado daqueles que contribuíram para a formação do povo brasileiro do qual fazemos parte também, seja em nosso DNA mestiço, seja em nossa cultura, culinária e hábitos híbridos!

Seguem alguns links que podem ser úteis para o entendimento e engajamento nas questões indígenas:

Vídeo “Comunidade Guarani-Kaiowá ameaça suicídio coletivo por causa de criadores de gado”:

Petição EU APOIO A CAUSA INDÍGENA http://www.causaindigena.org/

Petição para presidente Dilma: https://secure.avaaz.org/po/petition/Salvemos_os_indios_GuaraniKaiowa_URGENTE/?aIYWidb&external

Petição Pública: http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?pi=P2012N30791

Texto do antropólogo Spensy Pimentel que contextualiza a situação da luta guarani-kaiowá:
http://www.cartacapital.com.br/carta-na-escola/o-desafio-da-paz/

Vídeo: Salve Dilma, aqueles que vão morrer te saúdam:

Salve Dilma! Aqueles que irão morrer te saúdam. from Tekoa Virtual Guarani on Vimeo.

Este é um vídeo que o Cristiano Navarro e parceiros fizeram, sobre a expansão da cana lá na região (é um vídeo mais jornalístico)

Este vídeo é todo falado em guarani, com legendas, são os xamãs explicando a relação entre a cosmologia kaiowá-guarani e a luta pela terra

Leia a íntegra da Carta da comunidade Guarani-Kaiowá de Pyelito Kue/Mbarakay-Iguatemi-MS para o Governo e Justiça do Brasil: http://blogapib.blogspot.com.br/2012/10/carta-da-comunidade-guarani-kaiowa-de.html

Leia a íntegra da Carta de Comunidade de Passo Piraju-Dourados-MS frente à ordem de despejo da Justiça Federal da TRF 3 São Paulo: http://racismoambiental.net.br/2012/10/carta-de-comunidade-de-passo-piraju-dourados-ms-frente-a-ordem-de-despejo-da-justica-federal-da-trf-3-sao-paulo/

CAMPANHA SOLIDÁRIA AO POVO GUARANI E KAIOWA: http://solidariedadeguaranikaiowa.wordpress.com/campanha-solidaria/

Comitê Internacional de Solidariedade ao Povo Guarani e Kaiowá: http://solidariedadeguaranikaiowa.wordpress.com/2012/10/18/luta-pela-vida-e-contra-etnocidiogenocidio/

Filme sobre o assassinato do lider Kaiowá Nísio Gomes e a luta dos povos Kaiowa e Guarani no Mato Grosso do Sul para a demarcação de seus territórios tradicionais. De Felipe Milanez E Paulo Padilha- A Luta Guarani:http://youtu.be/OoyaR5KZGvM

Entenda por que o conflito envolvendo as terras guarani-kaiowá tornou-se uma das maiores tragédias do País na área dos direitos humanos : http://www.cartacapital.com.br/carta-na-escola/o-desafio-da-paz/#.UIgjl66Y1mQ.facebook

Comunidade Guarani-Kaiowá ameaça suicídio coletivo por causa de criadores de gado:
http://vista-se.com.br/redesocial/tribo-guarani-kaiowa-ameaca-suicidio-coletivo-por-causa-de-criadores-de-gado/?fb_action_ids=10152205580950541&fb_action_types=og.recommends&fb_source=aggregation&fb_aggregation_id=288381481237582

Quer receber nosso conteúdo?
Receba a nossa newsletter

Receba todas as atualizações da SOUL ART!