Перед большинством заёмщиков всегда встаёт вопрос, какую организацию-кредитора выбрать? На рынке очень много предложений оформить займ онлайн. Как не попасть на мошенников, с которыми придётся расплачиваться всю оставшуюся жизнь? Конечно, в подобной ситуации лучше всего обратиться к профессионалам: credit-n.ru/zaymyi.html. Именно на этом ресурсе вы сможете получить профессиональную и бесплатную консультацию по всем вопросам займов, микрозаймов и кредита. Именно здесь вам помогут оформить онлайн займ на карту без залога и поручителей в надёжной микрофинансовой компании.

Sujeito Núcleo Catalizador (SNC): como assim? O que é isso? 

Há quase uma década atuando na saúde mental, tenho observado e defendido uma tese que todo grupo de convívio (usarei aqui como exemplo uma família), possui um sujeito que exerce a função de absorver as demandas de sofrimento psicológico daquele grupo, ou seja, serve como manutenção de equilíbrio e bem-estar na vida dos demais membros de seu grupo. 
 
Por exemplo, uma família necessita que um membro esteja em sofrimento para que assim os demais “fiquem bem”, no período que aquele sujeito núcleo catalizador “estará mal” (estamos falando aqui no campo do inconsciente, ok?)
Sujeito Núcleo Catalizador
 
A absorção no sujeito pode se apresentar de várias formas: Seja numa crise pontual, surto, ansiedade, depressão, boderline ou pânico (enfim, sofrimento na ordem psicológica), seja em uso abusivo de substâncias, ou então, nas relações sociais como relacionamento, emprego, insucessos gerais, entre outros.
 
Esse “equilíbrio” gera também uma sabotagem dos demais membros na melhora desse sujeito (lembrando, de forma inconsciente) ou até uma auto sabotagem. Pode-se também proporcionar ao sujeito uma projeção externa ao grupo. Aqui o sujeito entende como elaboração, mas ao invés da cura trata-se de uma fuga, afinal elaborar que seu grupo de convívio, sua família no caso, necessita de seu sofrimento para manter-se em harmonia, não dá suporte consciente para esse sujeito.
 
Observamos também que ao apresentar melhora, numa ruptura do sujeito com o sofrimento, o grupo desmorona ou apresenta instabilidade, seja em outro membro que demanda algo antes não apresentado ou até numa sabotagem na melhora desse sujeito, como já havia citado acima. Por exemplo, o Sujeito Núcleo Catalizador começa a ficar bem e sair da situação de sofrimento, que o grupo ou outro membro apresenta instabilidade emocional, social ou outra demanda em desordem (ou a sabotagem na melhora do SNC) e esse fato prova a tese ou pelo menos oferece base para essa observação.

Urbanus: fotografia de Mek

Percebemos também que há influências casuais (tanto na sabotagem ou na melhora) no contexto de vida do Sujeito Núcleo Catalizador e não somente as interferências pontuais do grupo. Podemos aqui relacionar a religião ou sobrenatural, enfim, mas quero dizer que há eventos naturais que auxiliam na melhora ou exercem manutenção do status quo e não somente a dinâmica do grupo.
 
Em suma, a observação trás a tese que todo grupo de convívio social necessita de um sujeito núcleo catalisador das demandas de sofrimento daquele grupo, seja em contexto histórico ou na transferência do grupo (de forma individual), do sofrimento que os demais membros não dão conta consciente. Assim, o sujeito mais suscetível daquele grupo exerce esse papel de absorção que aparece na forma de sofrimento, nas mais variadas crises.
 
Acredito também que essa função catalisadora pode surgir no grupo de forma crônica e, no caso do exemplo no contexto familiar, atravessando gerações e modificando suas apresentações cronificadas (não necessariamente num sofrimento, mas numa condição do SNC).

Fotografia de Mek.

 
Fica aqui uma provocação! Lendo essa teoria, você relacionou há algum exemplo na lembrança ou até mesmo se viu numa situação vivida em seu grupo? Lembrou-se de algum caso, de alguém ou percebeu que no seu grupo há um Sujeito Núcleo Catalizador ou até mesmo se viu nessa situação antes não percebida?
 
Por se tratar de uma tese, ela é AFIRMATIVA, ou seja, defendemos que TODO grupo possuí um SNC, como condição humana, de sobrevivência, enfim, inerente ao querer, ou ao aceitar. Como simplificando, ou popularmente chamamos, todo grupo tem a “ovelha negra” (como na canção de Rita Lee), mas aqui vai pra além do comportamento destacado e, sim, o tal “carregador de piano”, aquele sujeito que tende a garimpar mais as demandas da vida.
Confira mais textos escritos pelo Thiago Almeida.

Quer receber nosso conteúdo?
Receba a nossa newsletter

Receba todas as atualizações da SOUL ART!