fbpx

Nem todas as palavras do meu vocabulário poderiam descrever o que é o Burning Man. O que adianto, apenas para despertar curiosidade, é: Burning Man é um elo entre a energia cósmica espiritual e a arte.

Burning-Man

Arte circense, dança, esculturas gigantes, meditação, fantasias, pinturas de corpo, playgrounds e múltiplas personalidades são algumas das coisas que compõem este ritual, que se desfaz das limitações criadas pela moral e o medo do ridículo.

Burning-Man-2012-203

Um evento moldado pela liberdade de ser, que acontece no Black Rock Desert, ou Deserto Black Rock, em Nevada, Estados Unidos, conhecido por abrigar um curioso espetáculo natural, em que de gigantes pedras verdes jorra água quente de cor laranja (clique no nome para ver as fotos, são incrivelmente bonitas).

HIDI-68-Larry-Harvey-Burning-Man-pop_18065

A cada ano, Larry Harvey, fundador do projeto Burning Man, sugere um tema para a festa, algo que desperte a arte como condutor da experiência, e una os participantes em um mesmo elo criativo, sensorial, imaginário.

BM07_MG_4011

Os participantes são encorajados a encontrar meios que tragam vida ao tema proposto, sendo por uma instalação gigante, um tema de campo, presentes para distribuir a outros participantes, fantasias ou qualquer outra coisa que mantenha o espirito Burning Man ativo.

burning-man-cars-01-0512-lgn

O projeto Burning Man se iniciou em 1986 e cresceu de um pequeno grupo de pessoas reunindo-se espontaneamente a uma comunidade de mais de 48 mil pessoas. O impacto da experiência Burning Man foi tão profunda que uma cultura se formou em torno dele. Essa cultura empurra os limites do Burning Man, levando pessoas a se unirem em todo o país criando seus próprios eventos, na tentativa de reacender esse sentimento mágico que apenas fazer parte dessa comunidade pode proporcionar.

burning_man-rv_art_car

Uma fundação, chamada Black Rock Arts promove arte interativa, apoiando arte pública fora do evento. Além disso, Burning Man funciona com a ajuda de mais de 2 mil voluntários, antes, durante e após cada edição.

article-0-14C789EB000005DC-980_964x573

Acho que já os tentei o bastante, mas separei uma estrofe de uma carta em que Molly Steenson – um dos participantes do evento – descreve a sensação que é poder participar de Burning Man:

Você está aqui para sobreviver. O que acontece com o seu cérebro e corpo quando exposto a 107 graus de calor, misturada com a umidade baixa de seu corpo e a desidratação em poucos minutos? Você saberá o seu limite. Beberá água constantemente e mijará muito, é claro. Você vai querer reconsiderar o álcool (ou tomar outras substâncias) que você trouxe com você – a experiência de alteração da mente do Burning Man é a sua própria droga. Você usará muito protetor solar antes de os raios do sol aparecerem a todo vapor. Você trará comida suficiente, água e abrigo, pois os elementos do novo planeta são duros, e você não vai encontrar nada pra comprar. Você está aqui para criar. Ninguém em Burning Man é um espectador, e estão aqui para construir seu próprio universo. Constrói-se um ovo como abrigo, um terno feito de varas de luz, um carro que se parece com uma barbatana de tubarão. Você se descobrirá em prata, estará vestindo um chapéu de palha e um colar de pérolas, ou talvez uma saia pela primeira vez.

Quer receber nosso conteúdo?
Receba a nossa newsletter

Receba todas as atualizações da SOUL ART!